Sobre

A campanha

Em duas décadas o mercado de motos cresceu exponencialmente e o número de acidentes fatais e não fatais entre motociclistas chegou a um número alarmante: por ano, cerca de 40 mil pessoas morrem e centenas de milhares de outras têm suas vidas prejudicadas por sequelas.

Idealizada e produzida por Diego Menezes, a campanha Motociclista do Bem tem como foco os motociclistas que precisam aperfeiçoar o modo de pilotar para reduzir os riscos de acidentes graves. Trata-se de um importante começo para campanhas mais abrangentes, no molde da Meta Zero sueca, que visa reduzir a nada o número de mortes causadas por acidentes de trânsito.

É uma campanha de trânsito permanente e sua meta é impactar positivamente pessoas que são ou serão motociclistas, seus familiares e amigos e também motoristas e ciclistas, que estão no mesmo meio e convivem diariamente na presença de motocicletas. O objetivo é reforçar o conteúdo do Código de Trânsito, tornando-o mais claro e simples para o público, e conscientizar sobre os riscos da direção imprudente.

Todo o conteúdo da campanha relativo a regras de comportamento foram produzidos com bases no Código de Trânsito Brasileiro (lei 9.507/97). Por essa razão, nos artigos, vídeos e ilustrações serão impostadas referências ao CTB.

O patrocínio

Em 2014 tentamos um financiamento coletivo e não obtivemos sucesso. Desde então, optamos por manter o projeto com recursos próprios, do nosso idealizador. Não temos patrocinadores públicos ou privados e recentemente retiramos todos os anúncios desta página para deixá-la mais coerente com uma iniciativa não-comercial.